Loading

wait a moment

Zenaide Maia sofre injustiça do PR por defender os interesses do povo

“A deputada Zenaide Maia está fazendo um mandato impecável. Já tem meu voto pra continuar defendendo o povo como vem fazendo brilhantemente”. Essa frase eu ouvi em uma roda de conversa com amigos formadores de opinião. E essa mesma frase expressa o pensamento de milhares de eleitores do Rio Grande do Norte que estão manifestando-se nas redes sociais em apoio a deputada federal Zenaide Maia (PR/RN) depois que a direção nacional do Partido da República anunciou ontem, 21, que vai suspender a parlamentar por 12 meses.

Pessoas próximas a Zenaide afirmam que ele ainda não foi notificada sobre essa decisão do partido, mas quem conhece a deputada sabe que ela mantém firme a decisão de votar para defender os interesses do povo, e não a interesses de governos. Zenaide também tem recebido apoio de diversos partidos e diversas partes do Brasil.
Durante duas sessões na Câmara dos Deputados a parlamentar potiguar votou contra a PEC 241, que agora no Senado tramita como PEC 55, e que congela os gastos com a Saúde, Educação e Assistência Social por 20 anos, ignorando o crescimento da população e as dificuldades que o cidadão brasileiro já encontra para ter atendimento na rede pública de saúde e um ensino de qualidade e vive um caos na Seguraça. De tão absurda, a proposta está sendo chamada de “A PEC DA MORTE”.
Na ocasião em que foi pressionada pelo PR a votar a favor da PEC 241, antes da segunda votação no Congresso Nacional, Zenaide declarou em uma entrevista: “Eu não votei, não vou votar, com todo respeito ao meu partido, mas existe um partido maior que se chama povo brasileiro. Eu não traí o meu partido por que sempre deixei claro o meu voto contra a PEC 241”, Enfatizou Zenaide que ainda afirmou votar de acordo com as propostas do Partido da República que é defender os interesses do povo que confiou o voto para que ela fizesse um mandato diferenciado.

Comente

Comente